FLEXIBILIDADE OU MOBILIDADE?

flexibilidade.jpg

A maioria dos surfistas estão cientes da necessidade da boa flexibilidade, mas o que a maioria não entende é a peça que falta na equação: A MOBILIDADE.

Flexibilidade refere-se à amplitude de movimento passivo alcançada através do alongamento estático. Isto é importante para músculos excessivamente ativos, mas isso não significa que as articulações em torno são estáveis e preparadas para os movimentos dinâmicos do surf. Muitas vezes apenas o aumento na flexibilidade passiva é uma lesão à espera de acontecer. O que os surfistas precisam mais que a flexibilidade passiva, é a mobilidade.

No surf, mobilidade refere-se a capacidade de mover as articulações em posições flexíveis, mas também ao mesmo tempo mantendo a força estável. E esta pode ser aumentada através de exercícios de mobilidade específicos que geralmente são incorporadas à sua rotina de treinamentos fora da água e de aquecimento.

O que é singular no alongamento é que ele tem provado, também, ser muito eficaz na prevenção de lesões. Há, inclusive, uma correlação entre os músculos contraídos e a origem de lesões. Quando o alongamento é feito da maneira correta, os riscos de sofrer lesões, como, por exemplo, torceduras, luxações e inflamação nos músculos e tendões, são consideravelmente reduzidos.

A flexibilidade e a mobilidade estão diretamente ligadas ao rendimento. Uma boa flexibilidade significa melhores condições de respostas nas manobras. Uma maior flexibilidade  faz com que a força muscular seja mais efetiva durante um período maior, possibilitando uma velocidade mais incisiva de movimento. Sabe-se, também, que para o treinamento de força, é melhor estimular a flexibilidade.

flexibilidade no surf.jpg

Em 1951, H. E. Billig demonstrou que músculos alongados podem realizar contrações mais fortes. A técnica usada para tensão muscular (isometria) foi mostrada como sendo um dos melhores métodos para desenvolver força, em comparação com outros métodos de trabalho muscular.

O treinamento da flexibilidade em combinação com trabalhos de mobilidade, também aumenta o metabolismo dos músculos, tendões e tecidos adjacentes mais sensíveis. Isto é benéfico para o trabalho muscular, podendo diminuir o perigo de dores após as sessões de surf. Já foi demonstrado que a sensibilidade dos músculos [e outras dores relacionadas com a prática de atividade física] é reduzida ou desaparece quando são incluídos, no treinamento, exercícios de alongamento.

Em resumo, a maior flexibilidade conseguida através do alongamento melhora o desempenho – força, velocidade e precisão. Abaixo segue uma sugestão de rotina de alongamentos que pode ser feita antes e depois de qualquer sessão de surf

dicas de alongamentos.png

  23 comments for “FLEXIBILIDADE OU MOBILIDADE?

Go For It!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: