7 COISAS QUE O SURF NOS ENSINOU SOBRE RELACIONAMENTOS

Nós já falamos sobre os motivos para namorar um[a] surfista e também preparamos a lista completa de possíveis presentes se você tiver decidido namorar alguém que será sempre apaixonado pelo mar, mas no dia de hoje, vamos falar sobre as 7 coisas o que o surf nos ensinou sobre os relacionamentos no geral.

3.jpg
1. NEM TODAS AS ONDAS SÃO PERFEITAS 

Sabemos que muitos homens e mulheres fogem dos relacionamentos pelo medo de não poder curtir a vida ou por sua incapacidade de ser fiel. Contudo, todos nós ao longo da vida conhecemos aquele alguém especial, aquela pessoa que está sempre disposta a nos dar amor, que nos perdoa de todas as falhas e normalmente nós desconsideramos ou chamamos de insuficiente. Será que não podemos nos desafiar a tentar ser diferente pelo menos uma vez na vida? Não acha que já faz tempo demais que você argumenta da mesma forma para continuar solteiro ou traindo? Se relacionar com alguém é um desafio e se você encara o mar com coragem, deveria fazer o mesmo e ser fiél também a quem você ama.


2. A LUA TEM FASES

E o seu relacionamento também. Quando você entende isso, você automaticamente pára de querer viver um conto de fadas ou achar que a vida tem a mesma secundagem que um filme de cinema. Pense na sua própria vida, você há 5 anos atrás? Quais eram seus sonhos? Suas ambições? Com o que você gastava o seu tempo? Nós tivemos a fase de rebeldia e de compaixão, passamos por fases de independência e em alguns momentos queríamos passar o máximo de tempo com nossos amigos. Se você tiver em mente que o que importa naquela relação é o seu sentimento pela pessoa amada e a possibilidade de fazer dela feliz – tudo ficará mais fácil.
3. O VENTO PODE APARECER DO NADA

E você precisa aprender a ter paciência e esperar passar. Às vezes a ventania que faz os surfistas saírem da água pode durar o dia inteiro ou apenas algumas horas. Independente do tempo de espera você não questiona o quanto ama o surf e não deixa de surfar na próxima oportunidade. Cada um sabe a ventania que seu relacionamento pode passar [uma grande mudança, uma perda, um momento desafiador no trabalho ou dias mais instrospectivos] e também a ressaca que precisa ser vivida se a ventania se transformar em tempestade. Assim como no caso das fases da lua, é importante dar suporte ao parceiro, se mostrar presente e deixar claro que o sentimento não mudou.

2.jpg
4. SACRIFÍCIOS SÃO NECESSÁRIOS

Uma relação a dois onde só um ganha não é uma relação. Terão dias de cansaço, terão dias em que vocês não irão querer fazer a mesma coisa e terão pessoas que você sempre vai querer evitar. As condições adversas são parte da vida, no surf vem em forma de frio, chuva e poucas ondas e também são uma realidade nos relacionamentos. Contudo, se a premissa é ver o outro feliz ficará mais fácil assumir que aquele sacrifício será gratificante e fazer uma força como fazemos por nós mesmos – pelo outro.

5. RESPEITO GERA RESPEITO

Não espere que o outro faça por você algo que você não faz por ele. Não existe fidelidade sem fidelidade e nem carinho no desdém. Você já se perguntou o que quer do seu relacionamento? Quer ter um tempo para se despreocupar e relaxar? Quer um companheiro para suas aventuras? Quer alguém para construir algo junto? É muito importante que você saiba exatamente o que você espera de uma relação para poder buscar e se comprometer com esse objetivo.
 6. QUEM AMA CUIDA

Cuide do seu relacionamentocomo cuidaria da praia  – você não jogaria lixo no mar e nem na areia e da mesma forma não deveria ofender alguém que ama ou despejar seus problemas em cima dela. Existe uma reflexão bacana sobre as relações que pode servir de base na hora de decidir o que fazer, mesmo nos dias difíceis: pense na sua relação como uma conta bancária que precisa estar com saldo positivo para continuar existindo e onde cada gesto de carinho, respeito ou sacrifício gera um depósito e cada grosseria ou maldade, um saque. Faça suas contas e escolha em quem vai investir!

7. NINGUÉM É MELHOR DO QUE NINGUÉM.                                                         

Se tem alguma dúvida com relação a isso: entre no mar. O mais rico e o mais pobre, o chefe e o funcionário e os principais opostos tem a mesma propensão de ser arremessados por uma onda ou arrastados pela correnteza. E da mesma forma todos nós poderíamos ser solitários no dia dos namorados ou parte integral de uma relacionamento saudável e feliz. Por isso não se coloque em uma posição superior e sim agradeça pelo que tem e compartilhe por aí esse post que pode modificar a vida de muita gente oferecendo uma perspectiva salgada sobre os frágeis relacionamentos de hoje em dia! ❤

Feliz dia dos namorados!
Conte pra gente como foi essa data pra você ou marque nosso perfil suas fotos hoje no Instagram @instadosurf ou Facebook.

Go For It!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: