RELAXAR É PRECISO! ENTENDA O POR QUÊ.

Nós não somos nada a favor de confrontos. Acreditamos que você sempre pode contornar aquela pessoa que estava no seu caminho, ou remar para o outro lado e sempre haverá outra onda disponível, mesmo que você seja rabeado.

De toda forma, já falamos por aqui sobre as regras de ouro do convívio dentro da água. Mas, enfim, tem dias que não há como evitar, a gente leva uma pranchada, tromba com alguém, recebe um xingo e nem entende… alguma ruim coisa acontece.

do surf relaxar mais 1.jpg

Mas voltamos a dizer, nenhuma briga na água em um momento onde você precisa de atenção para poder curtir e relaxar deve ser estimulada. Peça desculpas, respire fundo, saia do mar e entre por outro canto, mas não estrague esse sagrado momento.

Se você aprender a fazer isso no mar, ficará fácil realizar o mesmo tipo de serenidade controlada no trânsito, no trabalho e na vida como um todo.

Quando brigamos com alguém normalmente ofendemos a pessoa sem nem mesmo conhece-la e ficamos reféns de estereótipos. Nossas armas são palavras injustas, cortantes e sem nenhum compromisso com a história individual e cada um.

Não é por mal, mas sim pela pura complexidade que nos faz humanos.

E pode parecer mais um discurso piegas de domingo: mas será que essa mentalidade fechada e agressiva que nos tira do sério com tanta facilidade não é exatamente o que hoje mais alimenta outras injustiças que repugnamos? Esse governo duvidoso, os tiroteios, terrorismo, os estupros e tremenda falta de generosidade? Reflita.

do surf relaxar mais 2.jpg

Pra nós é fácil dizer que a raiva, o ódio e a falta de controle da única frente que nos cabe controlar: nós mesmos, são as raízes de tudo aquilo que detestamos, e logo o ciclo se retroalimenta e se estabelece.

É mais fácil ser o surfista que odeia tudo, rebelde e agressivo do que aquele que usa a natureza para extrair e alimentar o que tem de melhor dentro de si. Tem sempre algum[a] surfista que tem uma família que o espera, ou uma causa pela qual ele luta, eles vem com defeitos e qualidades e todos – inclusive nós – tem dias bons e ruins.

E por isso nossa recomendação é clara: relaxe mais, use o surf como sua válvula de escape, respire, enfrente o mar e use toda a sua força interna para remar o máximo que puder.

Quem sabe, em um mundo de pessoas mais tranquilas e relaxadas tenhamos uma chance melhor do que a que se apresenta?

Go For It!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: