JOHN JOHN FLORENCE VENCE MARGARET RIVER PRO!

SURFANDO EM UM NÍVEL ACIMA DOS OUTROS COMPETIDORES

Foto 1 .png

A maioria das pessoas do mundo do se perguntava como será o ano de 2017 para John John? Afinal de contas foi campeão do mundo o ano passado, ganhou mais um “Triple Crown” e também foi o mais jovem surfista a ganhar o “Eddie Aikau”. Alguns pensaram que ele se dedicaria ao free surf e deixaria o tour um pouco mais de lado, mas parece que foi ao contrario e o havaiano pegou gosto pelas vitórias na WSL.

Já havia ficado com a terceira colocação na Gold Coast e em Margaret ele não apenas venceu, como convenceu!

Main Break é conhecida por suas ondas pesadas, perfeitas e com muita massa de água e nessas condições o havaiano mostrou que está acima de seus oponentes.

Em alguns dias com ondas de até 15 pés de face, onde quase todos estavam “fugindo” do lip, ele sempre procurava a parte mais crítica da onda para extravasar com rasgadas muito alongadas, lay backs absurdos e batidas na junção.

Foto 2.png
A fúria da onda oceânica de Main Break deu muita dor de cabeça para alguns competidores, não para Florence.

Desde o primeiro round já dava para ver que seria difícil tirar esta etapa de John John. Das 6 baterias que ele venceu até ser campeão da etapa, deixou 4 vezes seus oponentes em combinação e Michel Bourez, o único a não ficar em combinação precisa de um 9,27 para virar com Florence.

As 4 melhores médias do campeonato foram dele. Acompanhe a baixo as notas de John John por round:

Round 1
Round 1.png

Round 3
Round 3.png
Round 4
Round 4.png
Quartas de final
Quartas de Final.png
Semi – final
Semi final.png

Final
Final.png

Tirando John John que massacrou nas ondas, tivemos outras boas performances como Kolohe Andino [segunda colocação] e os brasileiros Adriano de Souza [quinta colocação] e Filipe Toledo [terceira colocação]. Filipinho mostrou que esta amadurecendo e cada dia que passa seu surf fica mais completo e começar a dar resultado em ondas grandes e fortes como a de Margaret.

Ainda é muita cedo para falar, mas se comparar o começo deste ano dos resultados de John John já é muito melhor do que o do ano passado, onde foi campeão.

 

Foto 3 .jpg

Vamos aguardar e torcer para que não só ele como os competidores e principalmente os brazucas tenham performances memoráveis como foi essa de JJF em Margaret.

Quem ganha com isso, como sempre, é o surf.

Go For It!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: