8 PROJETOS FEITOS POR SURFISTAS PARA SALVAR A ÁGUA DO NOSSO PLANETA.

do surf - 8 projetos feitos por surfistas para salvar a água de nosso planeta.jpg

Relembrar a importância e o valor que o elemento água tem para o nosso planeta, nossa espécie e nosso principal passatempo, é vital. Atualmente, atingimos um ponto no qual mudanças deixam de ser opcionais e se tornam fundamentais para a nossa sobrevivência e bem estar.

É preciso estar atento a quem já viu a ponta do iceberg, construiu algum projeto sustentável e tentar contribuir seja com doações, voluntariado ou até mesmo compartilhando esse post por aí.

Se você realmente ama surfar deveria estar bem preocupado com o futuro da sua pista e fazer algo a respeito.

PROJETO 1: PRANCHA ECOLÓGICA

Com o intuito de unir o surf e sustentabilidade, o gaúcho Jairo Lumertz em parceria com a curitibana Carolina Scorsin desenvolveram o projeto “Prancha Ecológica”. A iniciativa consiste na produção de pranchas a partir de garrafas pet, um dos elementos mais presentes nos resíduos de lixo encontrados nos oceanos.

Por meio de palestras, oficinas e workshops, o projeto já alcançou cerca de 6 mil crianças [principal foco do projeto] e eliminou aproximadamente 7 mil garrafas pets que poluíam o meio ambiente.

PROJETO 2: WAVES 4 WATER 

A missão é clara: água potável para todos. Usando filtros d’água portáteis como alternativa, o projeto se dedica a fazer com que comunidades isoladas tenham acesso desde filtros de cerâmica pequenos a grandes filtros comunitários.

O Waves 4 Water, em uma parceria com a marca Hurley, desenvolveu um programa de voluntariado DIY [do it yourself] chamado de “Clean Water Couriers”, onde surfistas em busca de ondas em países de terceiro mundo levam os filtros na própria bagagens, possibilitando água potável para vilarejos e cidades que necessitam de alternativas.

PROJETO 3: GOTA D’ÁGUA

Com o intuito de trazer à tona e disseminar informações em prol do meio ambiente, o Movimento Gota D’Água traz inovações inteligentes, responsáveis e motivadas pelo bem comum para mobilizar e sensibilizar a população para causas sociais e ambientais utilizando ferramentas de comunicação em multiplataformas.

Utilizando uma linguagem simples, o movimento aborda pautas complexas como a construção da Usina de Belo Monte de uma maneira irreverente, dando às pessoas mais acesso a informações relevantes sobre ecologia.

PROJETO 4: ECOSURF

Idealizada por surfistas, a Ecosurf é uma organização social sem fins lucrativos comprometida com a justiça socioambiental. Com 14 anos de existência, a organização busca empoderar surfistas para a atuação em causas públicas, proteção das praias, ondas e oceanos, atuando na zona costeira brasileira, especialmente na região sudeste.

Orientando-se a partir de quarto eixos temáticos denominados de A.M.E.C [ativismo, mobilização, educação e conservação], a Ecosurf visa o fortalecimento da participação dos surfistas, como protagonistas, nos processos decisórios.

PROJETO 5: SEA BIN PROJECT

Os gênios do Sea Bin Project criaram uma lixeira automatizada que coleta resíduos flutuantes, óleo, combustíveis e detergentes. A lixeira foi estruturada para docas flutuantes, decks privativos, dilúvios, lagos residenciais, portos e clubes marítimos. Podendo também, ser adaptada para barcos e iates.

Com um protótipo em perfeito funcionamento, o projeto necessita de apoio e contribuições para massificar a produção das lixeiras de maneira sustentável e responsável.

PROJETO 6: SALVEMOS SÃO CONRADO

Inconformados com o descaso por parte dos governantes sobre a poluição das águas de São Conrado, no Rio de Janeiro, um grupo de surfistas e ativistas criaram a campanha “Salvemos São Conrado”.

Com objetivo de pressionar a Secretaria Estadual do Meio Ambiente a formalizar e executar os projetos de despoluição das águas e de tratamento de esgoto da favela da Rocinha, o “Salvemos São Conrado” busca a mobilização através do engajamento de figuras públicas e impactos nas redes sociais.

PROJETO 7: MAULI OLA FOUNDATION  

A MOF [Mauli Ola Foundation] é uma organização sem fins lucrativos dedicada a gerar esperança e confiança a indivíduos que possuem doenças genéticas. Usando as forças “milagrosas” do oceano, a fundação introduz o surf e outras atividades marítimas como terapias naturais.

Com o lema “ May The Wave Heal Us All” [que a onda cure a todos nós], a Mauli Ola já esta presente nos Estados Unidos, no Brasil e na Austrália.

PROJETO 8: SAVE THE WAVES COALITION

O “Save The Waves” foi criado para proteger os ecossistemas costais do mundo inteiro através de estratégias inovadoras em parceria com as comunidades locais. Utilizando uma combinação única de áreas protegidas, economia e ação direta, a organização visa preservar os recursos costais e direciona-los diretamente a suas comunidades.

A zona de surf é um ecossistema único, provendo ondas aos surfistas e habitat para inúmeras espécies de plantas e animais. O objetivo do Save The Waves é identificar problemas que podem danificar este sistema, focando principalmente no desenvolvimento das costas, qualidade da água, nível do mar, erosão costal, corais e debris marinhos.

FONTE

Go For It!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: