Mês: Agosto 2017

CORPO EM FORMA PRO SURF EM 30 MINUTOS!

Esse post pode ser usado e compartilhado por todos que amam surfar, que querem tentar surfar, ou que apenas querem viver o lifestyle e conquistar o corpo de um[a] surfista! Homens e mulheres, podem – e devem fazer!

Uma das coisas que faz do surf um esporte tão incrível é que usamos praticamente todas as partes do corpo e esse circuito oferece um treinamento funcional – simulando os movimentos do surf – alongamentos e aquecimentos que podem ser repetidos sempre que quiser!

Esse treinamento vai te ajudar com:

Mas vale lembrar que o surf é uma prática muito mais mental de conexão, presença e calma do que um esporte que exige músculos pulsando.

Depois escreve pra gente ou vai nossas redes sociais [FACEBOOK / INSTAGRAM] contar o que achou do treino! Se fizer 2 a 3 por dia esse circuito, 3 vezes por semana – em um mês você já sentira a diferença!

COMER BEM, QUE MAL TEM?! rs

Integrais – porque não?! Separamos 5 motivos para você surfista começar a comer mais alimentos integrais! Vamos nessa?

O que são alimentos integrais? São os carboidratos complexos. A estrutura deste alimento não foi alterada pelo processo de industrialização e tem sua estrutura molecular mais complexa, sendo assim, não tem perda de valores nutritivos, e possui propriedades diferenciadas em relação aos alimentos refinados. São ricos em fibras e possuem seu índice glicêmico baixo [o que significa a liberação lenta de açúcar, e em menor quantidade no sangue]. São absorvidos mais lentamente pelo organismo, e os níveis de glicose vão aumentando aos poucos, e por esse fato, este tipo de alimento sacia mais rápido e por mais tempo. Estamos falando de cereais, pães integrais e massas integrais em geral.

alimentos-integrais.jpg

Indispensáveis para quem quer ter uma alimentação mais saudável, os produtos integrais estão sempre em alta. E não é pra menos, depois de conhecer suas propriedades e todos os benefícios que eles podem trazer para nossa saúde. Quem se cuida na alimentação e/ou busca emagrecimento, não pode esquecer esse poderoso item, e de trocar os alimentos ditos “brancos” pelos famosos integrais.

MOTIVOS PARA COMEÇAR A COMER MAIS INTEGRAIS

1.Previnem a constipação, facilitando o trânsito intestinal: Por ser um alimento com grandes quantidades de fibras, é capaz de tornar mais lenta a digestão e absorção do corpo, permitindo mais agilidade na passagem do bolo fecal pelo intestino, regulando, dessa forma, o esvaziamento intestinal.

2. Aumentam o tempo da sensação de saciedade: isso significa que você irá demorar mais tempo para ficar com fome novamente, porque as fibras absorvem água e assim permanecem por mais tempo no estômago. Além disso, quando você ingere esses alimentos integrais, se sente saciado mais rapidamente, logo, irá comer menos, e para quem quer emagrecer, esse fator é muito interessante.

SONHO REALIZADO: PICOS SEM CROWD!

Cansado do crowd e de surfar os mesmos lugares? Considere esses picos na sua próxima surftrip!

Se você está ansioso para surfar em mares internacionais, provavelmente destinos como Havaí, Califórnia, Austrália ou Peru foram os primeiros que pensou, certo? Afinal existe uma longa lista de locais óbvios e seguros para pegar onda, como os citados acima. Mas indo para lugares já explorados, onde fica o espírito aventureiro de cada surfista? Que tal da próxima vez, quando for planejar suas férias, deixe as praias com estacionamento e banheiro público de lado e compre passagens para lugares não convencionais. Não consegue pensar em nenhum? Então, se liga nessa lista:

1 – Vancouver, Canadá: 

Vancouver - Do Surf: 5 lugares que você nunca pensou em surfar.png
Não é só o hockey que se pratica por lá não. A Ilha de Tofino é uma das mecas do surf do país. Ao invés de praia, você encontrará florestas à beira do mar com uma paisagem alucinante. Só tome cuidado com os ursos, muito comuns na região.

2 – Itália:

Itália - Do Surf: 5 lugares que você nunca pensou em surfar.png

Já assistiu ao pôr do sol nas colinas de Sardenha? Deveria! A romântica ilha italiana oferece ótimas ondas e pouco crowd, afinal, quem pensa em viajar à Itália para surfar?

QUE TAL TER UMA CARREIRA APAIXONANTE E SALGADA?

do surf carreiras 0.jpg

Se você é surfista é bem possível que tenha certa obsessão pelo oceano, caso você esteja indo para uma faculdade ou começando uma carreira ou até pensando em mudar de profissão ou arrumar uma segunda fonte de renda, o mar oferece vários caminhos. Aqui está uma lista de 10 carreiras líquidas que irá mantê-lo bem próximo do mar.

1 – BIOLOGIA MARINA
Dentro da florescente campo da descoberta científica, uma das últimas fronteiras da exploração está nos oceanos. Tanto quanto o conhecimento coletivo da humanidade progrediu, ainda sabemos muito pouco sobre o que está a baixo do nível do mar, os seus habitantes e o verdadeiro impacto sobre os seres humanos. Conhecimento é poder e quanto mais soubermos, mais nós nos beneficiamos e mais podemos protege-los.

2 – ENGENHARIA
As companhias de petróleo são as que dão mais dinheiro e a maioria para exploração de águas profundas. Pois é… Eles precisam de submarinos e equipamentos que possam suportar as pesadas pressões e devido à profundidade há uma necessidade de projetar e produzir equipamentos como veículos de operação remota.

3 – AMBIENTALISTAS
O aquecimento global não é apenas uma frase que aparece no jornal, é um fato da vida
. Com o aumento crescente da população humana [7.125 bilhões e subindo] e a Terra desaparecendo sob o derretimento do gelo polar, a única certeza é de que vamos ter problemas. Encontrar soluções, aprendendo e estudando mudanças ambientais é de suma importância.

DIAGNÓSTICO DE VÍCIO DO SURF – DESCUBRA JÁ!

do surf vicioAmazing Image: Jonas Vogedes / WaveButler.surf

Você escolhe se quer chamar de vício, obsessão ou de curtição!

Independente de qual escolher você tem que entender e aceitar que quando as ondas estão bombando o oceano promove uma atração gravitacional que faz com que homens e mulheres queiram surfar ainda mais. São os dias em que família, trabalho, tarefas e afins ficam de lado para seguir apenas uma prioridade: pegar onda.

Mas quando o mar não está bom, é devastador. Os dias flats parecem uma maldição que não acaba e o surfista vai ficando entediado, preguiçoso e na fissura da próxima entrada do swell. Segundo alguns estudiosos e pesquisadores no assunto ficou claro que existem 7 estágios que indicam a dependência real oficial do surf apresentadas por dias de abstinência.

Explicamos aqui cada estágio para você procurar ajuda caso se identifique em algum deles rs:

ESTÁGIO UM: DECEPÇÃO

Estamos falando daquela melancolia que você sente logo depois de verificar a previsão de ondas e não ver nenhum balancinho à vista. Você se olha no espelho e pergunta para o vazio no seu olhar: “Quando será que irei surfar novamente?“. São aqueles dias em que você faz os rituais pós surf sem energia, ou come alguma coisa e não sente o mesmo prazer que sentia ao comer quando saía da água.

ESTÁGIO DOIS: RAIVA

É estudado e comprovado o quanto uma boa queda faz bem para o corpo e para a mente e naturalmente acalma os nossos corações. O surf é uma das melhores estratégias disponíveis para esfriar a cabeça e fugir da realidade e sem ele nos tornamos pessoas agressivas que se irritam com qualquer mini-acontecimento e xingam pelo menos 8 gerações diferentes ao bater o dedinho na quina do móvel. Isso sem mencionar o ódio e a cólera de olhar pro mar e vê-lo igual a um tapetinho azul.

KEPA ACERO VAI TE ENSINAR OS BENEFÍCIOS DE VIAJAR SOZINHO.

E isso vai mudar completamente sua vida.

Kepa Acero é, sem dúvida, uma das pessoas mais interessantes do mundo surf. Isso porque ele não é conhecido tanto por ser um surfista como ele é por ser um viajante. Ele passou anos na estrada, viajando. Na sua maior parte, sozinho.

Tudo começou por acaso. No início de sua carreira de surfista, quando corria a liga de acesso, na esperança de alcançar os grandes palcos do mundo do surf. Então, ele conheceu uma garota. Em uma de suas viagens para competir, mudou seu destino e decidiu viajar para vê-la.Visitei ela, e eu percebi que a viagem foi melhor para mim do que qualquer viagem que eu tinha feito para competir,” Disse ele a Surfer Magazine.  “Grande parte desta satisfação era porque eu fui sozinho, foi uma experiência vital.

E SE VOCÊ PUDESSE SER INICIANTE QUE PARECE PRO NO SURF?

Sim! É possível parecer “menos” iniciante evitando erros bobos que vão fazer as pessoas não deixarem você pegar as melhores ondas no lineup!

A evolução nos dá uma sensação importante de satisfação, e quanto mais conquistas alcançamos mais nos iludimos com aquela certeza de que sabemos tudo. É assim na vida e é assim no surf.

1.jpg

O problema nos dois casos é que quando paramos de querer aprender naturalmente fazemos tudo de uma maneira pior do que faríamos se estivéssemos dispostos a ouvir o que uma pessoa te fora tem a dizer ou a ensinar.

Errar faz parte da vida, afinal você só anda hoje porque já engatinhou muito até ter a confiança de colocar um pé na frente do outro e equilibrar todos os seus quilos em duas superfícies de 30 a 40 centímetros. E se você, surfa, você deve se lembrar o quanto ficar de pé em um pedaço de fibra que se movimenta de acordo com a sinuosa superfície marinha é desafiador.

A CIÊNCIA EXPLICA O INEXPLICÁVEL DO SURF!

Agora você vai poder usar esses argumentos para explicar essa vontade desproporcional de surfar e entrar no mar.

foto 1 - dosurf:a ciência explica por que precisamos do mar para viver melhor.jpeg

Todos nós que pegamos onda, não importa em qual nível: iniciante, intermediário ou quebra vala temos nossas mentes impactadas e beneficiadas por algo que não temos nem clareza exata do que é, mas temos.

Sabe aquele sentimento de sair da água com frio após em um longa queda em um dia gelado com vento rasgando e quase cortando seu rosto? Ou aquela sensação de quando quase ouvimos os gritos de cansaço dos nossos músculos depois de tanto remar contra a correnteza? E mesmo sentindo tudo isso e desejando só um banho quente e roupas secas AINDA assim estamos com um sorriso no rosto  e desfrutando daquela sensação de conexão consigo mesmo e paz e tranquilidade com o mundo?? Então… é sobre isso e é pra você que escrevemos este post.

Nós, amantes do mar e das ondas, sentimos a renovação e ficamos revigorados através do simples e as vezes breve contato com o oceano. Podem haver varias explicações emocionais para isso, mas também existe uma explicação científica para este sentimento.

CACHORRADA SALGADA… AUAUALOHA!

Depois de conhecer o australiano que adestra cachorros utilizando o surf como ferramenta e o primeiro cão salva vidas! Chegou a hora de dar uma olhada nos cachorros mais surfistas do Instagram 🙂

do surf dogs cachorros 1.png

A gente sabe que o surf é mesmo apaixonante. E não somos só nós, seres humanos, que gostamos de desfrutar do prazer de deslizar sobre as ondas. Tem uma cachorrada que também ama o esporte e a cultura de praia. Assim como surfistas, tem surfdogs de todos os tamanhos, raças e para todos os gostos: os mais atletas, que não entendem o que fazem, e os que gostam do lifestyle… Listamos aqui seos cães surfistas que bombam nas redes sociais e você precisa conhecer!

Skyler – @skylerthesurfingdog

do surf dogs cachorros 2.png
A Skyler é uma fêmea da raça Heeler. Ela ainda não é tão famosa no Instagram, mas seus 2 mil e pouco seguidores se divertem ao vê-la surfar! Ela já foi até capa de revista, acredita? O mais charmoso da Skyler é que ela tem um olho de cada cor. Ela é linda e quebra nas ondas!

Bono – @bonosurfdog

do surf dogs cachorros 3.png

O Bono é o típico garoto carioca. Adora o mar, o sol, água de coco e o surf. Um labrador chocolate que vive pegando onda com seu dono nas praias cariocas. Ele já é famoso, tem 41 mil seguidores e está investindo em novos projetos de surf pelo mundo!

MAR, DOCE LAR.

De tempos em tempos aqui no blog DO SURF nós falamos sobre projetos de sustentabilidade, não só porque isso é responsabilidade de todos, como também porque acreditamos que com a ajuda de uma comunidade engajada e apaixonada como a dos surfistas poderemos fazer a diferença!

Primeiro, precisamos que todos estejam conscientes de que em 30 anos teremos mais plástico do peixes em nossos oceanos e que mesmo se a crise atual do país melhorar, a pobreza continuará sendo um problema real.

Por isso hoje viemos compartilhar um projeto mexicano subsidiado por doações coletivas que deveríamos ambicionar para o Brasil. O projeto se chama Eco Domum e tem por objetivo transformar o lixo de alguns em moradia para outros, sendo que a matéria prima para essa transformação é umas maiores inimigas marinhas: o plástico.

 

As casas que são concebidas com o lixo através dessa solução sustentável, possuem isolamento acústico e térmico resistente às mais diferentes condições climáticas e com preços acessíveis para as pessoas de classe mais baixa.

O procedimento é simples, o lixo passa por um processo de fundição, compressão e cristalização e é transformado em grandes placas que servem de parede e teto para uma casa de 40 metros quadrados.

%d bloggers like this: