QUAL É UM DAS PIORES COISA QUE PODE ACONTECER EM UMA SURFTRIP?

Uma das piores coisas que pode acontecer durante uma surf trip é chegar no hotel, tirar a prancha da capa e ver que ela está quebrada ou machucada. Ou então mar novo, point ou reef break quebrando grande… E sua prancha quebra. Já pensou?

Em muitos países não se pode entrar com resina ou catalizador por ser um produto químico e inflamável. O que dificulta um pouco a prevenção. Pra evitar o bode, aqui vão algumas dicas pra consertar sua prancha!

DICA UM
Leve um produto chamado Suncure [Fácil de encontrar em qualquer surf shop] é uma bisnaga que já vem pronta para ser usado e seca rapidamente quando exposto ao sol. Importante comprar a versão adequada: Existe suncure específica para para pranchas de poliester e para pranchas de EPS [isopor], se você usar o errado poderá abrir um enorme buraco derretendo uma boa parte do isopor.

DICA DOIS
A aplicação é simples: limpe bem o local quebrado e deixe secar. Depois use uma lixa 220 ou 180 no local e preencha com Suncure [na sombra para que possa manusear antes de secar]. Alguns kit possuem retalhos de tecido, o que recomendamos colocar no reparo feito antes de expor ao sol. Depois basta deixar para secar e quando seco lixar para garantir a perfeição da bóia.

DICA TRÊS
Caso não tenha o Suncure, um outro aliado ao surfista é o bom e velho silvertape [Aquela fita prateada, fácil de encontrar em loja de materiais de construção ou surf shops] que pode ser colocada em pequenos trincados na prancha para evitar que aumente, até sobrar um tempo para levar em uma oficina para ser consertada.

UMA HISTÓRIA SALGADA E INSPIRADORA PARA O SEU DOMINGO!

Ela tem 38 anos, é surfista e mãe solteira de uma menina de 9 anos e sonha com as viagens que ainda vai fazer pelo mundo. Ela questiona os modelos tradicionais de educação e compartilha seus valores na internet.

5.jpg

Marilia Di Cesare é uma mãe viajante, que está sem viajar por um tempo, mas já fez muito e deixou um legado que vale a pena ser visto.

4.jpg

A proposta é inspirar os pais a fazerem de sua vida um exemplo prático de como viver apaixonadamente para seus filhos. O que mais podemos querer além do que a vida já nos oferece? Natureza, felicidade, saúde e uma educação realmente RELEVANTE para nossas crianças?!

3.jpg

Marilia nos faz refletir sobre a efetividade das escolas e flertar com a possibilidade de aprender com o mundo e seus recursos para fazer a diferença.

Durante muito tempo ela viajou com sua pequena pelo mundo, onde ambas aprenderam outras línguas e interagiram com outras culturas enquanto ela se sustentava trabalhando como tradutora e professora online. Além de conhecer o mundo e suas nuances desde cedo, a filha de Marilia passava o dia em contato com a natureza e as duas faziam exercícios todos os dias. Ela encontrou uma maneira única de criar sua filha e buscou desde sempre um modelo de trabalho que oferecesse a ela tempo suficiente para estar com sua cria.

Mostrar as diferenças entre pessoas e espaços, ensinar respeito e cortesia, estimular a curiosidade, apresentar a grandeza e diversidade da natureza, e compartilhar doses diárias de disciplina parece uma boa maneira de educar seus filhos? Nos parece uma excelente maneira de entregar um soldado para o mundo que está preparado para transformá-lo por inteiro e inspirar quem estiver por perto.

1.jpg

Não existe nenhum esforço mais poderoso e capaz de salvar o mundo do que transformar o jeito como criamos nossos filhos” Marianne Williamson

Feliz dia das mães!

Elas são tão sábias quanto o mar. Com a mesma força de uma onda elas são capazes de enfrentar o mundo para não nos deixar cair. E na vida são a prancha que precisamos para nos equilibrar e nos conduzir sempre nos caminhos corretos. 

Assim como a natureza elas se diferenciam por sua forma única de amar e educar. Nossa sugestão de hoje portanto é: agradeça à ela tanto pelos caldos que ajudou você a evitar quanto pelo carinho e colo que ofereceu depois de cada um dos quais você precisou viver para poder aprender.

2.jpg

BORA TREINAR ESSE SHAPE SURFISTA?!

Captura de Tela 2016-04-13 às 00.00.24.png

Todos nós gostaríamos de ter um coração saudável para continuar vivos, músculos fortes para nos manter na água, e flexibilidade para evitar lesões.

Para isso precisamos reservar alguns dias ou apenas algumas horas na semana para trabalhar o nosso condicionamento físico geral. Embora para ser honesto, para muitos de nós, estes dias são apenas quando o mar está flat.

No entanto, há vários dias em que você não quer ir para academia, você não quer dar uma corrida , você não quer fazer yoga. Bem, mesmo nestes dias, pode ser bom reservar um tempinho para afinar os seus músculos de surf. Você não tem que fazer uma sessão de completa na academia; apenas tentar executar alguns dos exercícios demonstrados abaixo. Eles são rápidos, simples e direcionados especificamente para o surf. São necessários apenas alguns equipamentos como bola de pilates, pesinhos, bosuTRX. e se não tiver um step, algum outro objeto ou apoio que possa substitui-lo. Com estes poucos equipamentos você consegue fazer um infinidade de exercícios que irão simular uma situação em cima da prancha, seja deitado, remando ou em pé manobrando.

Aproveite e execute com cuidado, você vai sentir a diferença na próxima vez que remar lá fora:

Go For It!

QUER MAIS ALGUMA PROVA DE QUE NÃO EXISTE IDADE LIMITE PARA SURFAR?

Esse post foi indicado por um blog parceiro nosso que ajuda as mulheres [surfistas ou não] a conhecerem mais sobre moda em apenas 5 minutos – Mulherada, não percam! – www.modaem5.com.br – lá tem até guia do biquini 😉

E como o surf é democrático, para todos, executivos, jovens, mães, idosos, homens, mulheres, crianças de todas as etnias, religiões e origens não deixariámos de divulgar o fato de que o surfe vem conquistado mulheres com mais de 50 anos!

O esporte já não é exclusivamente masculino, faz tempo, e já foi até sugerido como tratamento por médicos! Por isso, ser considerado um sinônimo de bem-estar é algo quase orgânico.

do surf - glamour

Na imagem produzida pela VOGUE vemos duas mulheres de 57 e 62 anos posando com suas pranchas! O professor das meninas diz que o surf não tem idade e nem gênero e tem alunas de até 65 anos.

Elas são um verdadeiro exemplo e personificam o conceito de REINVENTAR. Afinal, muitas pessoas, com menos idade se acomodam em uma condição e dificilmente se aventuram em coisas novas – apesar de termos comprovações científicas de que aprender um novo esporte faz bem para o cérebro.

AQUECIMENTO PARA O SURF: QUANTO MAIS, MELHOR!

foto 2.jpg

O aquecimento geralmente não é levado a sério antes de uma sessão de surf nem por surfistas amadores e nem mesmo pelos não-atletas, a fissura de entrar no mar acaba por nos fazer esquecer desse tão essencial hábito. No verão com altas temperaturas e com água quente muitas vezes nem sentimos sua falta e no inverno, quando estamos mais preguiçosos, com a queda das temperaturas nosso organismo precisa se proteger do frio ainda mais para, inclusive, diminuir as chances de lesões.

Nossas habilidades motoras melhoram quando estamos sob maiores temperaturas fazendo com que o  impulso nervoso se propague mais rapidamente, aprimore a velocidade de contração do músculo e da força gerada, proporcionando um alerta antecipado para controlar problemas musculo-esqueléticos ou cardio-respiratórios, potencializados no inverno devido às baixas temperaturas dentro e fora da água.

LEVE O SURF PRA DENTRO DA SUA CASA E/OU TRABALHO!

Quem surfa e ama o esporte sempre busca formas de se conectar com ele nos mais diferentes lugares  – principalmente quando está longe do mar, por isso separamos uma seleção completa de formas de trazer a boa energia do esporte para lugares fechados através de uma decoração voltada para a natureza!

SURFISTAS E O CHOCOLATE – UMA HISTÓRIA DE AMOR!

Sim, meus caros amigos, contra tudo e contra todos: estudos comprovam que chocolate pode melhorar sua performance no surf!

2.jpg

Provavelmente, quando você pensa em alimentos pré-treino, a última coisa que vem a sua cabeça é o chocolate. Naturalmente, optamos sempre por carboidratos, gorduras boas, frutas, ovos, vegetais, proteínas e água! Contudo, nosso convite é para que você esqueça tudo o que você sabe.

De acordo com um novo estudo de nutrição esportiva, um pouco de chocolate amargo [40g] pode ser exatamente o que você precisa antes de começar um treino, inclusive para aprimorar sua resistência. O estudo testou ciclistas durante duas semanas e os que claramente entregaram um resultado superior foram aqueles que consumiram durante um determinado período, o chocolate amargo.

Captura de Tela 2016-03-26 às 23.11.36.png

Ficou fácil parar de se sentir culpado: é só dizer que está comendo chocolate porque está buscando energia, saúde, amplificação da sua cognição cerebral, evitando oxidantes e até ajudando seu corpo a consumir oxigênio da melhor forma, transferindo para as células e consequentemente melhorando fluxo sanguíneo e o desempenho cardíaco.

INOVAÇÃO NOS TREINOS DO SURF QUE VOCÊ PRECISA CONHECER!

foto 1.png
Nós sempre destacamos aqui no Do Surf o quanto é importante para o surf treinar fora da água, não só para se fortalecer e estar pronto para a próxima queda, como também para evitar lesões.

Afinal, nem todo mundo pode descer sempre para a praia e por isso encontrar circuitos de treino e alternativas focadas no surf são essenciais para você ficar próximo da sua paixão.

Recentemente conhecemos uma nova plataforma de treino, que atende todos os desafios dos treinos que falamos por aqui, porém simulando a instabilidade que uma prancha de surf tem quando está na água.

Conheça o Gyroboard!

O Gyroboard é uma plataforma de treinamento funcional para uso no mercado esportivo, fitness e reabilitação. Combina as melhores características de equilíbrio, balanço, propriocepção, além de condições ideais para o treinamento de habilidades funcionais para esportes radicais e treino do CORE [parte mais importante do corpo na hora de surfar].

Gyroboard possui um mecanismo único de regulagem onde oferece várias opções de movimentos de acordo com a especificidade de cada treino. Permite a rotação parcial ou total da plataforma, para exercícios desde um nível bem inicial até um nível bem avançado, sem perder a estabilidade do equipamento. O mecanismo também tem suportes de borracha ajustáveis, permitindo que a plataforma se fixe em diferentes graus. Após 8 anos de estudos e testes em vários países chega ao Brasil o Gyroboard!

Veja a abaixo alguns dos exercícios que podem ser feitos com o Gyroboard.

INSPIRAÇÃO FEMININA!

Você ainda não conhece as 10 das mulheres mais incríveis que marcaram a história do surf?

Que pena, elas são algumas das protagonistas históricas comprovam a habilidade feminina nas águas! Você precisa conhece-las para honra-las e poder pedir sua “ajuda energética” na hora de dropar ondas pesadas!

1- RELL SUNN

Rell Sun.png

Você não é nomeada “Rainha de Makaha” do nada. Ela é uma verdadeira sereia, que trouxe graça e poder para o surf mesclando o esporte com arte. Sempre deslizando ao longo da superfície ela nos ensinou um pouco do que é a real conexão com a onda e o oceano. Ela foi a primeira salva-vidas Havaiana do gênero feminino, uma das surfistas pioneiras, além de uma renomada mergulhadora – uma verdadeira veterana do canal de Molokai.

2- LISA ANDERSEN

Lisa Andersen.png

Podemos nomeá-la como a embaixadora da rasgada feminina. Já venceu muito surfista por aí e levou o surf feminino para um patamar superior. Foi capa da revista SURFER onde a manchete dizia: Lisa Andersen surfa melhor do que você! Ela vem de uma época onde não haviam opções de roupa para as surfistas mulheres, nem mesmo a Roxy existia. Ela foi quatro vezes campeã mundial e foi com certeza uma das principais responsáveis pela criação do mercado de equipamentos femininos.

3- PRINCESA KAIULANI 

Princesa Kalanui.png

Sem essa ousada princesa era possível que o surf nem existisse. Acredite ou não, nós temos uma imensa gratidão pela coragem dessa mulher! Após a vinda dos missionários para o Hawaii para oprimir o povo e PROIBIR o surf, foi ela que – contra todas as leis estabelecidas – remou para o fundo e levou seu povo de volta às origens – dentro do oceano, e surfando!

PRECISANDO DE UMA FORÇINHA PRA TREINAR DE MANHÃ?! A GENTE AJUDA!

Sim, surfar é para todos. Qualquer pessoa, dos 3 aos 70 anos pode subir em uma prancha e deslizar pelas ondas. Sim, existem surfistas com barriga de cerveja e há exemplos como o próprio John John Florence que não faz nenhum outro exercício além de surfar as ondas de Pipeline.

Captura de Tela 2016-04-21 às 22.38.47.png

MAS… Treinar pode mudar sua experiência na água. E se treinar não for sua praia, trate a prática como um passo para que você possa fazer mais daquilo que mais ama fazer: surfar. E acredite, seus músculos irão agradecer e sua chance de se lesionar pode diminuir consideravelmente.

Além disso, para aqueles que moram nas grandes cidades, e nem sempre podem descer para o litoral, o treino pode ser vital e servir de preparo para quando o swell entrar e a agenda permitir.

Acreditamos no surf como estilo de vida e ter o esporte como objetivo e espaço para desenvolvimento físico e mental pode ser seu grande trunfo para fazer dessa jornada, algo melhor e que vai além da compreensão humana. E é por isso, que trouxemos 12 dicas para você se tornar uma pessoa que treina – na parte da manhã, para nem o trabalho e nem o trânsito te atrapalharem no processo de se melhorar para subir na prancha.

%d bloggers like this: